quinta-feira, 11 de julho de 2024

Com recorde de participantes, 9ª edição da Vino Run marca retomada do turismo em Farroupilha

 “O evento esportivo foi um marco significativo na retomada do turismo na cidade”

No último final de semana, a Casa Perini promoveu 9ª edição da Vino Run, um evento que se consolidou como uma das principais provas de corrida de rua da região. Com a participação de 815 inscritos, um recorde para o evento, a corrida atraiu atletas de nove estados brasileiros, evidenciando seu alcance e importância no cenário esportivo e turístico nacional.

A Vino Run não é apenas uma corrida, mas também um marco significativo na retomada do turismo em Farroupilha. Após um período desafiador para o setor, em função das inundações que atingiram o estado do Rio Grande do Sul, o evento simbolizou a renovação do turismo na região.

Franco Perini, CEO da Casa Perini, comentou sobre o sucesso do evento. "Estamos extremamente satisfeitos com a realização da 9ª edição da Vino Run. Ver atletas de diversos estados brasileiros participando deste evento é uma prova do nosso compromisso em promover o esporte e o turismo em Farroupilha. Este ano, mais do que nunca, a Vino Run simboliza a esperança e a retomada da nossa comunidade", finalizou. 

Confira os vencedores da 9ª Vino Run:

3km
Masculino: Anderson Sacoman Pereira
Feminino: Daniele Dorigon

6km
Masculino:  Moises Silverio Machado Júnior
Feminino: Carla Haubert Bulsing

10km
Masculino: Tiago Poloni
Feminino: Marlei Willers

Sobre a Casa Perini 

Com quase 100 anos de história, a Casa Perini está entre as maiores vinícolas do Brasil. Localizada no Vale Trentino, em Farroupilha, na Serra Gaúcha, a vinícola conquistou mais de 300 medalhas nacionais e internacionais. Um dos seus destaques é o “Casa Perini Moscatel”, eleito o 5º melhor vinho do mundo em 2017 pela WAWWJ (World Association of Writers & Journalists of Wine & Spirits).

Fundada por Benildo Perini e com os primeiros vinhos familiares elaborados em 1929, a Casa Perini conta com a participação da sócia Maria do Carmo Onzi Perini e a liderança dos filhos Franco Perini, presidente do conselho administrativo e Pablo Perini, Diretor de Marcas e P&D. A vinícola se destaca pela combinação de tecnologia de ponta com uma equipe altamente profissional, produzindo vinhos com criatividade e talento excepcionais.

Fotos: divulgação do evento

terça-feira, 9 de julho de 2024

Aeroporto Salgado Filho retoma embarques e desembarques em 15 de julho

 "O terminal parou de receber voos em 3 de maio, devido às enchentes que atingiram a capital gaúcha"  

Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre vai reabrir para embarque e desembarque de passageiros na próxima segunda-feira (15). Esse serviço está sendo feito, há mais de dois meses, no Terminal Park Shopping Canoas, na Região Metropolitana, a 9,6 km de distância. A informação foi divulgada pela Fraport, empresa responsável pela gestão do terminal. Atualmente, a Base Aérea de Canoas é a única opção de voos comerciais na região metropolitana de Porto Alegre. 

De acordo com a Fraport, a medida foi adotada porque o aeroporto tem capacidade de realizar os serviços de forma mais rápida e oferecendo mais conforto aos passageiros.

Os voos continuam sendo operados na Base Aérea de Canoas, até que a pista de pousos e decolagens da capital gaúcha seja liberada. A previsão é que o aeroporto de Porto Alegre seja reaberto em outubro, segundo informação divulgada pelo governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, em entrevista à GloboNews. O Salgado Filho era até maio deste ano o maior e mais movimentado aeroporto do Rio Grande do Sul e da Região Sul e o nono mais movimentado do Brasil em número de passageiros transportados. O terminal parou de receber voos em 3 de maio, devido às enchentes que atingiram a capital gaúcha.   A pista e o térreo do prédio do aeroporto ficaram alagados por cerca de um mês.  De acordo com a Secretaria de Turismo do Rio Grande do Sul, o possível fechamento do Aeroporto Internacional Salgado Filho até o Natal poderia resultar em um prejuízo de até R$ 1,4 bilhão ao setor.

Como será o check-in a partir do dia 15

O acesso ao terminal de passageiros deve ser feito pela rampa externa que leva ao piso 2, e o ingresso será apenas pelas portas 5 e 6. O processo de check-in e despacho de bagagem, neste momento, serão feito na área do check-in internacional.

Depois, os passageiros deverão subir ao piso 3 e utilizar a área de embarque internacional para a inspeção de segurança. Neste ambiente, deverão seguir a sinalização para se dirigir ao embarque nos ônibus que os levarão à Base Aérea de Canoas.

Quem desembarca na Base Aérea é transportado até o Salgado Filho, onde desce na estação de ônibus para retirada de bagagens. Não é possível se deslocar diretamente até a Base Aérea e sair de lá sem acompanhamento das equipes da concessionária da companhia aérea.

O terminal funcionará das 6h às 21h. O passageiro deverá se apresentar no aeroporto 3 horas antes do voo. O processo de embarque se encerrará 1h30 antes voo. Após este período, não será possível ingressar na sala de embarque.

Algumas operações de alimentação estarão disponíveis de forma adaptada para atender à demanda de passageiros no aeroporto.

No entanto, os pousos e decolagens continuarão ocorrendo na Base Aérea de Canoas, até a liberação das pistas do Aeroporto Salgado Filho.

Diagnóstico na PPD (Pista de Pouso e Decolagem)

No início de junho começaram as extrações de amostra de solo e asfalto da PPD, no dia 10   foram enviados mais amostras para análise em um segundo laboratório. “O objetivo é trabalharmos com três ou quatro laboratórios simultaneamente, para termos a melhor análise e reduzir o máximo possível o tempo dos ensaios”, esclareceu Cássio Gonçalves, diretor de Infraestrutura & Manutenção da Fraport Brasil.

Chamados de ensaios não destrutivos, o primeiro consistiu em um escaneamento completo da pista por meio de um laser. O segundo foi o HWD (Heavy Weight Deflectometer, ou no português Deflectômetro de Impacto Pesado). Este se trata da medição para avaliar a condição estrutural da pista. O resultado dos testes está sendo aguardados para este mês de julho. Só então será possível determinar os impactos sofridos e definir os próximos passos a serem tomados.

Diversas notícias foram veiculadas com a especulação de prazos para a reabertura do aeroporto. A Fraport Brasil reitera que o segue o disposto na Portaria Nº 14.654, emitida pela ANAC, que define que as operações do Porto Alegre Airport estão suspensas por tempo indeterminado.

A Empresa só poderá ter uma previsão de abertura, após o resultado dos diagnósticos, tendo em vista que as análises que estão sendo feitas são de grande importância para a garantia de um retorno seguro aos passageiros, aeroviários e comunidade aeroportuária.

Sobre a Fraport Brasil

A Fraport Brasil – Porto Alegre é subsidiária da Fraport AG Frankfurt Airport Services Worldwide, uma das empresas líderes no mercado global de aeroportos, que oferece uma gama completa de serviços integrados de gerenciamento e consultoria.

Fotos Divulgação Porto Alegre Airportmais 

quinta-feira, 4 de julho de 2024

Evento em Gramado vai ajudar a cidade de Santa Tereza

 “Estima-se que sejam necessários R$ 50 milhões para recuperar a infraestrutura afetada pelas chuvas”

Gramado está linda, colorida e pronta para receber os visitantes durante o Connection Experience - Terroirs do Brasil, que é a maior vitrine brasileira de promoção dos produtos de origem. A 7ª edição acontece entre os dias 28 e 31 de agosto.

                                                                                                         Rafael Cavalli
Durante quatro dias, Gramado será o epicentro das discussões sobre a qualidade e a diversidade dos produtos brasileiros, destacando seu sabor peculiar e único, sua  cultura e a história por trás de cada produção. E nesta edição, o Connection tem um ingrediente a mais para envolver os participantes: toda a receita das inscrições será revertida ao município de Santa Tereza, que foi severamente afetado pela enchente.

Santa Tereza

Santa Tereza é uma cidadezinha de 1.500 habitantes situada entre o Vale dos Vinhedos e o Vale do Taquari, distante cerca de 30 km de Bento Gonçalves. A cidade é considerada o segundo núcleo mais importante da imigração italiana no Brasil, privilegiada pela sua história e suas belezas naturais.

Localizada bem às margens do Rio Taquari, 80% da sua economia tem origem na agricultura, com destaque ao cultivo das parreiras de uva, cana-de-açúcar, hortifrutigranjeiros, agroindústrias e criação de suínos. Produção de móveis para exportação, metalurgia, plásticos e artesanato também fazem parte da cadeia econômica.

O poder público é gerido pela prefeita Gisele Caumo, que ganhou repercussão expressiva pelo flagrante de uma ponte sendo levada pela enxurrada enquanto fazia um vídeo. O orçamento municipal para este ano, conforme a Lei Orçamentária Anual é de R$ 23,5 milhões. O prejuízo causado pelas chuvas de abril e maio, conforme estimativa revelada pela executiva é muito maior que o orçamento. Estima-se que sejam necessários pelos menos R$ 50 milhões para recuperar a infraestrutura afetada. E não é só isso, se somar aos prejuízos já sofridos nas cheias de setembro e novembro do ano passado, os valores ultrapassam os R$ 90 milhões.

Uma viagem pelo tempo

Santa Tereza ganhou visibilidade nacional com seu tombamento como Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. As ruas largas, o campanário, as casas antigas originais e as montanhas que cercam a cidade remontam a vida em pequenas vilas italianas da região do Vêneto. Estar em Santa Tereza é revisitar o passado.

Um local onde a vida acontece em outro ritmo. Uma cidade extremamente ligada à natureza e com o charme da arquitetura ítalo-brasileira que pode ser apreciada em cada detalhe das construções como as mais de 20 casas erguidas antes de 1920, muito bem conservadas até hoje pelos descendentes italianos, retratando a história da colonização desbravadora na região a partir de 1875.

 Cidade está desenvolvendo seu potencial turístico

Além de visitar atrativos como as grutas naturais de Nossa Senhora da Uva e Nossa Senhora de Lourdes, localizadas no interior, o turista pode fazer uma agradável caminhada pelo Centro Histórico, apreciando os casarões centenários e o conhecido Campanário, localizado ao lado da Igreja Matriz, na Praça Massimiliano Cremonese, desfrutando da tranquilidade local.

“Também temos opções na área da gastronomia, vinícolas e cachaçaria, ateliers de artesanato em cerâmica e madeira, passeio de caiaque e opções em hospedagem”, acrescenta a prefeita.

“As casas antigas originais que remontam às pequenas vilas italianas da região do Vêneto, aliado às belezas naturais, paisagens rurais, o rio e as montanhas que cercam a cidade, fazem do turismo, o principal potencial para o crescimento. Apostamos muito na interação entre o turismo e a agricultura, um contribui com o outro e tornam-se atrativos”, enfatiza.

“SOS Santa Tereza”

Quem visita Santa Tereza se encanta com o lugar e com a hospitalidade. Vivenciar essa experiência e compartilhar com outras pessoas, certamente contribuirá muito para alavancar Santa Tereza nessa retomada.

                                                                                  Jornal Pioneiro

Quem visita Santa Tereza se encanta com o lugar e com a hospitalidade. Vivenciar essa experiência e compartilhar com outras pessoas, certamente contribuirá muito para alavancar Santa Tereza nessa retomada.

A Prefeitura está engajada na campanha “SOS Santa Tereza”, que busca angariar recursos financeiros. Os valores serão revertidos às famílias e empresas das zonas urbana e rural atingidas pelas cheias e pelos deslizamentos. As doações podem ser feitas por PIX, cuja chave é o CNPJ 91.987.719/0001-13.

Inscrições do Connection serão doadas a Santa Tereza

Esta edição do Connection Experience - Terroirs do Brasil vai proporcionar experiências incríveis aos credenciados. Além de uma programação ampla e diversificada com exposição de produtos certificados de diferentes regiões do país, circuito gastronômico, workshops com renomados chefs, cozinha show, networking de negócios e palestras, os inscritos estarão ajudando Santa Tereza e ainda poderão visitar mais de 10 parques da região de forma gratuita.

Créditos: Fotos de Santa Tereza: Prefeitura de Santa Tereza/Divulgação

segunda-feira, 1 de julho de 2024

ViagensPromo lança voo fretado para Serra Gaúcha com 2º passageiro grátis

 “Voo sai dia 20 de julho de SP com retorno no dia 27 ao custo de R$ R$ 1.250”

Sendo o turismo uma das principais atividades econômicas da Serra Gaúcha, a operadora ViagensPromo lançou um voo fretado inédito para Gramado, com a oferta de 2º passageiro grátis no aéreo, saindo de SP.

O voo charter pousará no aeroporto de Caxias do Sul. O pacote de viagem completo neste voo charter  está sendo oferecido por um valor de R$ 1.250 por pessoa incluindo hospedagem de sete noites (com café da manhã em hotel 3 estrelas).  A operadora de viagens oferece também passagens avulsas por R$ 555,00 por pessoa (ida e volta) neste voo.  

Pacote Completo: R$ 1.250 sete noites com café da manhã e hotel três estrelas 

Voo avulso: R$  555,00 ida e volta

 VPair

O novo voo faz parte do VPair, produto aéreo lançado oficialmente em maio pela ViagensPromo com objetivo de democratizar o acesso das agências de viagens à comercialização de voos fretados, já incluindo serviços como despacho de uma bagagem até 20kg e serviço de bordo, voando em modernas aeronaves Boeing e com preços até 40% mais competitivos que os voos regulares.

Os voos serão operacionalizados pela Sideral Linhas Aéreas em um Boeing 737-300, de 144 lugares, com saída do Aeroporto de Guarulhos (SP) no dia 20 de julho, com destino a Caxias do Sul, e retorno em 27 de julho (CXJ-GRU).

Turismo na Serra Gaúcha

Somente em 2023, Gramado superou a marca de oito milhões de visitantes, com 6% de aumento em relação ao ano de 2022. O ISS (Imposto Sobre Serviços) também registrou um crescimento de 8,1%, evidenciando a força que o turismo emprega nos municípios que integram a Serra Gaúcha, que é responsável por quase 90% do PIB de Gramado.

Segundo Renato Kido e Renato Alves, Sócios-Diretores da ViagensPromo, o momento requer união e empenho de todos para alavancar o turismo no Estado, considerando que faltam ojá estamos na temporada de férias de julho, período importante para o calendário regional.

“Gramado é um destino muito importante e estratégico para milhares de comunidades locais e agências de viagens do Brasil, assim como todos os municípios turísticos da Serra Gaúcha. A região turística está restabelecida para bem receber os turistas e investimos neste voo charter para retomar o fluxo na prática, também convidando nossas mais de seis mil agências de viagens parceiras a trabalharem na divulgação e recomendação para que os turistas viajem para a região agora em julho”, reforça Renato Kido, sócio diretor da ViagensPromo.

“Desde 2021, já realizamos o embarque de mais de 5.000 clientes à Serra Gaúcha e, com o ocorrido, decidimos antecipar o lançamento do VPair para julho, prestigiando a estreia para essa região onde o turismo é tão pujante para a economia, na geração de receitas, emprego e renda e, também, que proporciona boas lembranças para seus visitantes”, diz Alves.

Para consultar as condições, entre em contato com o atendimento ViagensPromo por meio do telefone: (11) 4000-1798.

Sobre a ViagensPromo

Fundada em 2018, a ViagensPromo é dedicada às agências de viagens (B2B) sendo importante player na intermediação de negociação de produtos e serviços junto aos melhores fornecedores e equipamentos turísticos do Brasil e do mundo, em destinos de lazer, corporativo, nas modalidades aérea, terrestre, marítimo e MICE (conferências e eventos). Possui um time especializado em viagens com 138 profissionais e atendimento direto a mais de 6 mil agências parceiras no Brasil, em 17 estados. Liderada pelos sócios e diretores Renato Kido e Renato Alves, ambos com mais de 20 anos de expertise no setor, a ViagensPromo tem como propósito desenvolver produtos inovadores que fortaleçam o mercado das agências de viagens na realização de sonhos de viagens de seus consumidores finais.

sexta-feira, 28 de junho de 2024

Trem do Pampa inicia viagens dia 20 de julho

“Veículo moderno terá atrações culturais e degustação de vinhos à bordo”


A partir de 20 de junho o Rio Grande do Sul ganha um novo atrativo turístico, o Trem do Pampa, em Sant´Ana do Livramento, fronteira gaúcha com a cidade de Rivera, no Uruguai. O passeio, na “Fronteira da Paz”, será aos sábados, com operação e administração da Giordani Turismo, empresa que há mais de 30 anos é a responsável pelo passeio de Maria Fumaça - Trem do Vinho, em Bento Gonçalves.

O Trem do Pampa é um passeio com história, cultura, tradição e sabores da campanha gaúcha, reconhecidos também pela enogastronomia. Os vagões batizados de “Tannat” e “Cabernet” - uvas cultivadas na região - recebem artistas locais com apresentações musicais e culturais que têm a cultura gaúcha e os encantos do Pampa em destaque.

Ao longo do percurso de 20 quilômetros, entre as estações central de Sant´Ana do Livramento e a de Palomas, os passageiros terão a oportunidade de conhecer o terroir  da região degustando vinhos e suco de uva, apreciar a vastidão dos campos (pampa é uma palavra de origem quéchua - indígena - que significa "região plana"), os parreirais em forma de espaldeira e o cartão postal da cidade que é o Cerro de Palomas. 

Os vinhos e sucos degustados no percurso são produzidos na unidade local da Almadén, da Miolo Wine Group. A visita à vinícola, e ao primeiro free shop de vinhos brasileiros da empresa, está inclusa no bilhete do passeio. O transfer rodoviário, entre a Estação de Sant´Ana do Livramento e a de Palomas, também integra o pacote do Trem do Pampa, o visitante faz primeiro o trecho de trem e volta de ônibus ou ao contrário. 

Comercialização dos bilhetes

A venda dos bilhetes para o Trem do Pampa iniciou dia 26 de junho, pelo site  tremdopampars.com.br, Central de Vendas (55) 3965-0088, ou diretamente na Estação de Sant´Ana do Livramento (R. Ten. Aníbal Benévolo, 198 - Centro).

O valor do passeio é R$ 135,00 (por pessoa), crianças até 5 anos, no colo, são isentas. Cada vagão tem capacidade para 50 pessoas, totalizando 100 passageiros por passeio, e o roteiro tem duração aproximada de 3h, sendo 1h10 à bordo do trem. 

Os moradores de Sant'Ana do Livramento e Rivera terão 50% de desconto no passeio durante o primeiro ano do Trem do Pampa com a campanha “Eu Sou Daqui”. Para adquirir o bilhete com o benefício do desconto (R$67,50 por passageiro) o morador das duas cidades participantes deverá apresentar comprovante de residência recente, no momento da compra em qualquer ponto de venda. A promoção é uma ação tradicional que a Giordani Turismo realiza anualmente na Serra Gaúcha e agora, com o início da nova operação, beneficia os moradores das cidades da "Fronteira da Paz". 

Sobre a Giordani Turismo

A Giordani Turismo tem mais de 30 anos de atuação no segmento de turismo. Desde 1993 é a operadora oficial do passeio Maria Fumaça - Trem do Vinho. Empresa referência na preservação e disseminação da história e cultura local, também administra o Parque Cultural Epopeia Italiana, e oferece mais de 30 opções de roteiros, que contemplam variados atrativos da região, e vendidos na própria agência (Bento Gonçalves/RS), ou nas melhores agências e operadoras do Brasil. Usa sua expertise para a captação e operação de eventos de todos os segmentos, e grupos corporativos. Oferece agenciamento de hospedagens e receptivo com serviços de transfer. www.giordaniturismo.com.br

fotos: 
Flow Films

terça-feira, 25 de junho de 2024

Campanha "Apaixone-se por Canela" segue até o dia 12 de julho

"A Pousada Don Ramon, é um dos empreendimentos que aderiu a campanha"

A região das Hortênsias, situada no coração do Rio Grande do Sul, é amplamente conhecida por sua vocação turística, especialmente durante os meses de inverno. No momento, a cidade enfrenta uma situação desafiadora com a suspensão das operações no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, que serve como principal via de acesso para turistas que visitam a região.

O Aeroporto Salgado Filho não apenas facilita o fluxo de turistas nacionais e internacionais para a Serra Gaúcha, mas é também crucial para a economia local que depende fortemente do turismo. A suspensão de suas operações implica uma redução significativa no número de visitantes, afetando diretamente hotéis, restaurantes, lojas de artesanato e outros negócios que são pilares da oferta turística regional. A estimativa é que até o final de julho, a ausência de atividades no aeroporto resulte em um prejuízo alarmante de cerca de R$ 550 milhões.

No entanto, apesar das adversidades, a infraestrutura turística de Canela e Gramado - hotéis, bares, restaurantes e atrativos turísticos, permanecem intactos. Seus acessos rodoviários estão seguros. A comunidade das cidades e os empresários do setor turístico têm se mobilizado para trazer de volta os turistas.

"Apaixone-se por Canela"

Cascata do Caracol

E a cidade de Canela, na Serra Gaúcha, te convida a se apaixonar por suas belezas naturais e hospitalidade com a campanha "Apaixone-se por Canela".

A iniciativa, lideradas pelo grupo Canela Hotéis e Pousadas, iniciou no dia 12 de junho e  foi pensada para alavancar o turismo na Serra Gaúcha,  afetado pelas chuvas que atingiram o Rio Grande do Sul em maio.

Nos hotéis e pousadas participantes, ao comprar uma ou mais diárias, de domingo à quinta-feira - durante todo o período, o hóspede ganha uma diária a mais de graça. O empreendimento poderá aplicar descontos de acordo com sua disponibilidade que podem variar de 10 até 40%.

Importante ressaltar que as promoções e descontos são válidos para reservas diretas nos sites dos hotéis e pousadas e podem ser acompanhadas nas redes sociais dos empreendimentos participantes garantindo uma transação segura e direta.

Entre os hotéis e pousadas participantes estão além da Pousada Spa Don Ramón, o Grande Hotel Canela,  Pousada do Bosque, Blumen Hotel Boutique, Estalagem Vila Suzana, Luzzy HoteL, Vila Suzana Parque Hotel, Hotel Cabanas, Alto da Serra,  Pousada Vila 505, Pousada Augusta Canela, Pousada Doce Canela, Pousada Suíça. 

Essas promoções não apenas incentivam o turismo em Canela, mas também oferecem uma oportunidade imperdível para os visitantes explorarem as belezas naturais e as atrações culturais da região. Aproveitar essas ofertas é uma maneira inteligente de desfrutar de tudo o que a região tem a oferecer, enquanto se beneficia de uma estadia mais econômica e confortável.

Entre belezas naturais e a calorosa hospitalidade gaúcha, a região serrana gaúcha se prepara para superar este período de adversidades com resiliência e otimismo, visando receber novamente os visitantes que tanto animam e enriquecem a região.

A Pousada Don Ramon & Spa Holgar D'Alma - Charm Collection

A Pousada Don Ramon, é um dos empreendimentos que aderiu a campanha “Apaixone-se por Canela”, um destino de charme com apenas 12 quartos, atendimento acolhedor que  prioriza o conforto e o bem estar de seus hóspedes. A Pousada oferece uma recepção diferenciada, atenção em cada detalhe, que começa com uma taça de espumante de boas vindas.

Na Pousada Don Ramon, cada detalhe foi pensado para tornar a estada do seu hóspede inesquecível, oferecendo um cenário perfeito, extremamente aconchegante para criar memórias inesquecíveis.

Situado a 2,3 km da Catedral de Pedra e a 10 minutos a pé da mais nova atração de Serra Gaúcha a Roda Canela, roda-gigante que integra o novo complexo no Parque Mundo a Vapor.

O grande jardim externo é ideal para caminhadas matinais, apresentando  um clima zen e decoração inspirada no budismo.

A Pousada Spa Don Ramon é seriamente comprometida com o desenvolvimento sustentável de todo seu entorno e ostenta, entre outras premiações, o selo verde do Guia Quatro Rodas e a Certificação da NBR 15.401 pelo Instituto Falcão Bauer

Seu Spa Holgar D'Alma foi o primeiro Spa Sustentável certificado pelo INMETRO.

Pousada Don Ramon e Spa Holgar D’alma

Rua José Pedro Piva, 745 -Bosque Sinoserra  (Estrada que vai para o Cascata do Caracol)
+55 54 3282 3306  whats 54-9 9124 5273 (Na compra de uma diária ganha outra de presente)

pousadadonramon.com.br;    reservas@donramon.com.br

www.pousadaspadonramon.com.br      

quarta-feira, 19 de junho de 2024

Descontos da Ouro e Prata para passagens intermunicipais no RS segue até o fim de junho

Promoção iniciou semana passada, no auxílio na retomada das atividades no Estado gaúcho"


A Viação Ouro e Prata iniciou semana passada, campanha que oferece aos passageiros 50% de desconto em viagens intermunicipais dentro do Rio Grande do Sul durante todo o mês de junho. A ação, segundo Luana Fleck, diretora do grupo Ouro e Prata ocorre em momento importante para a retomada das atividades do Estado, que está em processo de recuperação após as enchentes que afetaram várias regiões do Rio Grande do Sul. “Esperamos que essa iniciativa auxilie na aproximação das pessoas e nas relações econômicas e comerciais que passam pelas nossas rodovias”. 

A promoção é válida tanto para compras presenciais nas rodoviárias, quanto para compras on-line pelo site oficial da empresa e nos sites das próprias rodoviárias. “Para simplificar o processo de compra, o desconto é aplicado automaticamente no site e apesar do número de assentos com desconto seja limitado por ônibus, todos os veículos da frota estão participando da promoção, que é válida para as rotas intermunicipais do Estado que são operadas exclusivamente pela empresa Ouro e Prata”.

De acordo com Luana, o objetivo é proporcionar um transporte acessível, sem comprometer a qualidade e a segurança do serviço. "Nosso objetivo é incentivar mais viagens dentro do Estado”.

Na promoção temporária da viação estão inclusos diversos trechos, como, por exemplo, Santa Rosa, Santana do Livramento, Bagé, Cruz Alta, Ijuí, Dom Pedrito, Santo Ângelo, São Luiz Gonzaga, Três de Maio, entre outros destinos de ida e retorno à capital gaúcha.

Para saber mais acesse - https://www.viacaoouroeprata.com.br/site/.

Foto: Divulgação/Viação Ouro e Prata

Mini Mundo lança ingressos com valores promocionais para moradores do RS

“Ingressos comprados até 31 de julho tem validade até o dia 30 de setembro” 

Engajado em campanhas de apoio ao povo gaúcho e de incentivo à retomada turística no Estado, o Mini Mundo iniciou uma nova ação com a venda de ingressos promocionais para moradores do Rio Grande do Sul. Residentes de municípios gaúchos que comprarem ingressos até 31 de julho poderão usufruir da promoção realizando a visita ao Mini Mundo até o dia 30 de setembro.

Nos valores promocionais, o ingresso inteiro para o parque sai de R$ 106,00 por R$ 64,90 e a meia-entrada (infantil e sênior) passa de R$ 53,00 para R$ 44,90. A compra dos ingressos pode ser feita antecipadamente pelo site www.minimundo.com.br ou diretamente na bilheteria do atrativo.

Campanha do Alimento

A Campanha do Alimento do Mini Mundo também está em sua fase final visando a destinação às famílias atingidas pelas enchentes. Moradores de Gramado, Canela, Nova Petrópolis, São Francisco de Paula, Igrejinha, Três Coroas e Taquara podem ir até a portaria do Mini Mundo e trocar 2kg de alimentos não perecíveis por um ingresso para utilização até 30 de junho.
Fotos: Divulgação Mini Mundo


quarta-feira, 12 de junho de 2024

Olivas de Gramado recebe visitantes a partir de sábado (15)

 “O Parque, na localidade de Linha Nova, é um dos principais atrativos visitados em Gramado por aqueles que buscam opções ao ar livre”


A partir desse sábado (15), o Olivas de Gramado volta a receber visitantes, e promove uma campanha solidária, destinando 10% do valor de cada ingresso para a compra de colchões para crianças vítimas das enchentes. A ação é válida para ingressos antecipados adquiridos até 30 de junho, e a utilização pode ser feita até 31 de dezembro de 2024. 

O parque, que é destino de turistas que visitam Gramado e buscam por atrativos ao ar livre com opções para todas as idades, tem uma nova via de acesso. O trajeto provisório deve ser utilizado, pois a entrada principal foi danificada pelas fortes chuvas e está recebendo melhorias. “Nosso caminho sofreu avarias e está em processo de recuperação, por isso construímos uma nova entrada, que começa já muito próximo ao Parque, e está bem sinalizado”, informa o gestor de marketing e comercial, Rafael Sager.

“Entendemos o turismo como uma atividade importante nesta fase de reconstrução do Rio Grande do Sul, e percebemos, através de nossos canais de atendimento ao cliente, o desejo das pessoas de nos visitarem, por isso não medimos esforços para viabilizar esta via alternativa para voltar a receber nosso público, oferecendo experiências inesquecíveis”, comenta o sócio e azeitólogo do empreendimento, André Bertolucci. 

Um dos pioneiros em olivoturismo no Brasil, o Parque Olivas de Gramado tem mais de 150 hectares, e entre as opções oferecidas aos visitantes estão a Trattoria, com pratos de gastronomia colonial, o Olivas Sunset, com o pôr do sol mais deslumbrante da Serra Gaúcha Fazendinha com mini animais, trilhas ecológicas e área para piquenique.

Para os mais aventureiros oferece passeios a cavalo, passeio de Bike Voadora e aluguel de bicicletas e motos elétricas. A Azeiteria é um novo espaço onde o visitante vive uma experiência completa de imersão no universo do azeite de oliva. 
Olivas de Gramado - a partir de 15 de junho
Funcionamento: Das 10h30 às 18h, de quinta a terça-feira. Quarta-feira fechado.
Local: Rua Vereador José Alexandre Benetti, 1808 – Linha Nova – Gramado/RS
Ingresso: a partir de R$ 89 (adulto) antecipado no site e a partir de R$ 139 na bilheteria (local). Crianças até 11 anos são isentas. As regras de meia entrada devem ser consultadas no site.
Fone/Whats: (54) 99610.7626
Site: www.olivasdegramado.com.br
Instagram: @olivasdegramado
Facebook: www.facebook.com/olivasdegramado

fotos: divulgação Parque Olivas de Gramado

segunda-feira, 10 de junho de 2024

Estimativa é que Aeroporto Salgado Filho de Porto Alegre volte a abrir somente em dezembro

“Estudo da ForwardKeys, empresa de inteligência de viagens revela os impactos dessa previsão”

O Rio Grande do Sul ainda está contabilizando os prejuízos de sua maior tragédia climática. E um dos pontos mais graves para a recuperação do Turismo é a situação do Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, o décimo mais movimentado do país, que segue desde o dia 3 de maio fechado, ainda sem estimativa para a retomada das atividades. As inundações interromperam pousos e decolagens no principal ponto de entrada e saída aérea do estado.

A previsão é de que o aeroporto seja reaberto em dezembro  

Estudo da ForwardKeys, empresa de inteligência de viagens, mostra que para o período de 3 de maio a 30 de novembro de 2024 (se realmente o aeroporto abrir em dezembro), estavam programados 18,5 mil voos, com uma capacidade de quase 3 milhões de assentos. Atualmente, os aeroportos do Rio Grande do Sul, Florianópolis e Jaguaruna juntos conseguem absorver apenas 14% da capacidade semanal do terminal.

Segundo dados de capacidade de assentos programados, segundo o estudo da ForwardKeys, entre janeiro e abril deste ano, o Rio Grande do Sul teve conexões com sete países (Brasil, Argentina, Portugal, Panamá, Chile, Uruguai e Peru), operando 657 voos semanais por sete companhias aéreas e teve mais de 1,7 milhão de assentos programados. Para efeito de comparação, com base em junho deste ano, estão previstos cerca de 120 voos semanais, uma redução de mais de 600 voos em comparação com 2023.

Já o número de assentos previstos para junho caiu de 444 mil em 2023 para pouco mais de 70 mil, queda de 84% em relação ao mesmo período do ano anterior. Operadas por quatro companhias aéreas e são exclusivamente domésticas. Além do mais, o fechamento do aeroporto impactou as rotas de voo, levando muitas companhias aéreas a realocarem estrategicamente parte de sua capacidade de assentos para diversos aeroportos regionais da região sul.

73 mil assentos foram realocados para aliviar a perda de cerca de 500 mil de assentos

Segundo dados de viagens aéreas da ForwardKeys, aproximadamente 73 mil assentos foram realocados para aliviar a perda de cerca de 500 mil de assentos, representando cerca de 14% da capacidade perdida. 

No entanto o estudo mostra que apesar de toda essa situação desafiadora, houve uma tendência perceptível na forma como os viajantes estão lidando com suas reservas. Em vez de cancelarem suas viagens, a grande maioria está optando por remarcar seus bilhetes.

As empresas estão operando desde o dia 20 de maio 25,6 mil assentos chegando ao aeroporto de Canoas com previsão até 30 de junho.

Florianópolis ficou com o maior aumento no volume de assentos, com 33,7 mil novos assentos (+13%), seguido por Caxias do Sul, com quase 8 mil assentos adicionais (+32%), Passo Fundo, com 4 mil assentos novos adicionais (+24%), e Jaguaruna, com quase 2 mil assentos adicionais (+20%) – destacando sua crescente importância como rota alternativa.

Em relação a variação na procura por passagens aéreas para aeroportos alternativos, de acordo com a ForwardKeys, na semana iniciada em 6 de maio, as buscas por voos domésticos para Porto Alegre caíram 52%. No entanto, as buscas por voos para Caxias do Sul aumentaram 31% durante a mesma semana e continuaram subindo 20% na semana seguinte. Para Florianópolis, o aeroporto internacional mais próximo, houve um aumento de 2% na semana iniciada em 13 de maio e mais 3% na semana seguinte.

Em relação aos aeroportos menores, o interesse em viagens também aumentou. Por exemplo, para Jaguaruna, as buscas aumentaram 49% na semana iniciada em 6 de maio, em comparação com a semana anterior. Para Pelotas, houve um aumento de 39% e para Passo Fundo, um aumento de 26%.

O fechamento do aeroporto redesenhou  a dinâmica de viagens no Sul do Brasil

Segundo Olivier Ponti, diretor de Inteligência e Marketing da ForwardKeys, “o fechamento do aeroporto de Porto Alegre redesenhou significativamente a dinâmica de viagens no Sul do Brasil. Apesar dos óbvios transtornos iniciais, há sinais precoces de resiliência no setor de turismo do Rio Grande do Sul, com um aumento do interesse em alternativas regionais, ajustes estratégicos na capacidade de assentos pelas companhias aéreas e flexibilidade dos viajantes na gestão de suas reservas”.

Impactos no Turismo Nacional

O Aeroporto Salgado Filho é uma importante porta de entrada para estrangeiros no país. No período de 3 de maio a 30 de novembro de 2023, ele teve o quarto maior volume de conectividade aérea no Brasil, com uma média de 35 voos internacionais chegando por semana e 5 mil assentos disponíveis. O estudo da ForwardKeys salienta que isso representa mais de 2% de todos os viajantes estrangeiros que chegaram ao Brasil.

Os mercados emissores estrangeiros mais importantes para o Rio Grande do Sul (de 3 de maio a 30 de novembro de 2023) foram os Estados Unidos e o Uruguai, cada um representando 20% do total de turistas internacionais, seguidos pelo Chile, com uma participação de 11%, Argentina com 6% e Alemanha, com 4%. E o Rio Grande do Sul, além de ser um dos principais destinos do Brasil, também é um grande emissor de turismo doméstico. 

Os principais destinos dos gaúchos em 2023

De 3 de maio a 30 de novembro de 2023, os gaúchos fizeram mais de 828 mil viagens dentro do Brasil, representando 5% do volume nacional.

Os principais destinos foram São Paulo, com 48% das viagens, destacando a forte conexão comercial e cultural entre os dois estados; Rio de Janeiro, com 14%, refletindo o apelo turístico da costa carioca e suas atrações; Paraná, com 7%, destacando a proximidade geográfica e as relações econômicas; e Bahia, com 5%.

Durante o período que o Aeroporto Salgado Filho estiver fechado vai haver uma expressiva redução nas viagens procedentes do Rio Grande do Sul, impactando fortemente o turismo doméstico no país. Essa diminuição no movimento de passageiros afetará não apenas a conectividade e a economia local, mas também terá repercussões significativas nos destinos mais populares entre os gaúchos.



sexta-feira, 7 de junho de 2024

Viagem Gastronômica: o "Despertar dos Cogumelos Selvagens" no Parador

 “A experiência acontece no Glamping em Cambará do Sul de  14 a 16 de junho”

Chegou a época dos cogumelos e, com ela, uma experiência incrível promovida pelo Parador: o “Despertar dos Cogumelos Selvagens” acontece de 14 a 16 de junho, um fim de semana com uma programação que envolve desde a caça até a descoberta de nuances de sabores do ingredientes e refeições especiais protagonizadas por cogumelos colhidos na bucólica região dos Campos de Cima da Serra, em Cambará do Sul.

A programação do Glamping começa na sexta-feira: no fim da tarde, uma banda de jazz entretém os participantes que, na sequência, às 20h30, participam de um jantar de boas-vindas no Restaurante ALMA RS, com um menu degustação especial que valoriza a cozinha do Rio Grande do Sul, utilizando ingredientes frescos de produtores locais, criados pelo chef Rodrigo Bellora.

Caçada em busca dos cogumelos Porcini

No dia seguinte, às 10h00, após o café da manhã, o grupo parte para a exploração na floresta de Pinus, para a caçada em busca dos grandes cogumelos Porcini escondidos no solo encoberto da mata, conduzido pelo chef e especialista Altemir Pessali. E às 12h30, será brindado com um almoço na beira da cachoeira em meio às araucárias.

O sábado à tarde está reservado para fazer uma trilha nas matas nativas com os biólogos João Travi e Jeferson Timm, contemplando campos, matas de araucárias, rios e banhados. Durante o passeio, dará para observar e fauna e a flora local e entender a biodiversidade da região, identificando os tipos e famílias dos cogumelos e o seu uso. O passeio termina na Queijaria Campo Nativo, com uma deliciosa degustação de queijos com os cogumelos coletados na caçada preparados pelo chef. O Grande Final deste dia intenso, será com um jantar especial com pratos selecionados do menu do ALMA RS, harmonizados com vinhos da Vinícola Almaúnica.

Os hóspedes terão o dia livre no domingo para poder curtir o Parador, relaxar na piscina, fazer um tratamento no spa, ou até passeios por uma das regiões mais deslumbrantes do Brasil.

Serviço

Evento: O Despertar dos Cogumelos Selvagens

Data:  14 a 16 de junho de 2024.

Pacotes: a partir de R$ 2169,00 por pessoa em apto duplo, inclui 02 diárias de hospedagem em barraca luxo, com toda a programação, café da manhã, almoço, chá da tarde e jantar inclusos (exceto bebidas).

Informações e Reservas: (54) 3295-7575

Emailreservas@casahoteis.com.br

Sobre o Parador

Parador é um hotel estilo glamping (junção de glamour com camping) localizado em Cambará do Sul (RS), próximo aos parques nacionais de Aparados da Serra e da Serra Geral e seus belíssimos cânions. Oferece hospedagem em cabanas, suítes e casulos, com todo conforto.  Integra o Casa Hotéis, coleção de hotéis de charme do Rio Grande do Sul que oferece hospedagem de alto padrão e atendimento personalizado para os hóspedes. Fundado em 1997, o Casa Hotéis conta com quatro empreendimentos no estado: os hotéis Casa da Montanha, Petit Casa da Montanha e Wood, em Gramado, e o Parador, em Cambará do Sul.

https://www.paradorcasahoteis.com.br/

@paradorcambaradosul  @almarsparador

fotos:Marcos Moreira



quarta-feira, 5 de junho de 2024

Executivos da CVC Corp visitam a Região da Serra Gaúcha para apoiar recuperação do turismo no estado

 “CVC Corp reúne trade turístico no Rio Grande do Sul: novas rotas já passam a ser comercializadas pelas marcas do grupo”


Executivos da CVC Corp estiveram ontem (04) em Gramado, para um Encontro com o Trade Turístico e autoridades da região para discutir estratégias para a retomada do turismo no Rio Grande do Sul.

Estiveram no encontro Fabi Mader, Diretor Executivo da CVC Corp de Produtos e Pricing, Rodrigo Galvão, Diretor de Produtos Nacional da CVC Corp, André Almeida, Gerente de Produto Nacional para a Região Sul e Natalia Madalosso, Especialista de Negociação de Produto para o estado do Rio Grande do Sul, além de autoridades como Luiz Fernando Rodriguez, Secretário Estadual de Turismo do Rio Grande do Sul, Ricardo Bertolucci, Secretário de Turismo de Gramado, Gilmar Ferreira, Secretário de Turismo de Canela e Evandro Soares, Secretário de Turismo de Bento Gonçalves.

“Nosso objetivo com essa ação foi mostrar o nosso total apoio e empenho para a retomada do turismo ao estado. A CVC tem um histórico muito importante no Rio Grande do Sul, tendo sido responsável por fomentar o turismo em diversos destinos, como Gramado, por exemplo, e desenvolver produtos de hotelaria, receptivos, entre outros. O que queremos fazer agora é apoiar na recuperação do estado, em especial da região da serra gaúcha, tão importante para o turismo do país” ressalta Fabio Mader.

Durante o evento, o executivo comentou que, no período mais crítico das chuvas no estado, as marcas do grupo CVC Corp tiveram um papel fundamental na assistência ao passageiro, seja auxiliando na remarcação de voos, na reacomodação nas hospedagens e também na criação de rotas alternativas terrestres para o retorno dos passageiros aos seus lares. “ Na ocasião tínhamos mais de 1800 passageiros precisando da nossa assistência, seja para sair do Rio Grande do Sul ou para voltar para o estado. Em 1 semana conseguimos atender a todos com segurança” relembra Mader.

Retomada do turismo na Serra Gaúcha

Para atender a demanda de brasileiros que desejam manter os planos de conhecer os municípios da Serra Gaúcha nos próximos meses, a CVC, está investindo nas rotas rodoviárias. Este incremento na oferta chega em um momento oportuno, dado a ausência do Aeroporto Salgado Filho, de Porto Alegre.

“Neste primeiro momento vamos incluir na nossa prateleira de produtos, a venda dos assentos leito cama e semileito em rotas que irão conectar Serras Gaúchas com as Serras Catarinenses, além de alguns municípios do Paraná,  a medida que as companhias aéreas consigam ampliar a oferta de voos para os aeroportos de Caxias do Sul e de Canoas, por exemplo, também vamos trabalhar com a possibilidade de bloqueios exclusivos aos nossos clientes” comentou Galvão.Rodrigo Galvão, diretor de Produto Nacional da CVC.

Fotos: Divulgação CVC