quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Parque Gaúcho promove exposição “Churrasco Gaúcho e suas Origens”

“Tradição é transmissão dos usos e costumes”
Uma interessante programação cultural, está acontecendo no Galpão da Hospitalidade no Acampamento Farroupilha no Parque da Harmonia: “Churrasco Gaúcho e suas Origens” sobre a história e a evolução do churrasco. A iniciativa é do Parque Gaúcho de Gramado em parceria com a Secretaria do Turismo de Porto Alegre. A mostra segue até o dia 20 de setembro que conta ainda com uma rara carreta típica do século XVIII.
Os responsáveis técnicos do parque resgataram os métodos primitivos de preparo do churrasco e de outras comidas típicas do pampa.  Os visitantes vão ter oportunidade de participar de oficinas gastronômicas onde podem degustar os assados pampeanos da forma como eram feitos antigamente.
Na última segunda-feira (11), a equipe preparou um cordeiro no fogo de chão. Depois de assar por sete horas, o churrasco foi servido ao público que acompanhou o lançamento do livro “A Mulher na Guerra dos Farrapos”, de Elma Sant’Ana, patrona dos Festejos Farroupilhas no Rio Grande do Sul.
Na segunda-feira, 18, será servida uma Paella Campeira e, na terça, 19, a equipe realiza uma oficina para estudantes de Gastronomia da PUC. Os alunos irão aprender o preparo do Carreteiro de Charque. O diretor do Parque Gaúcho, Marcos Gomes, destaca que o objetivo das ações é resgatar a origem. “Tradição é transmissão dos usos e costumes. Não há como transmitir usos e costumes sem conhecer a origem”, afirma Gomes.
Fotos divulgação Parque Gaúcho 

Noite Gaúcha no Trem

O passeio anual “Noite Gaúcha no Trem” foi criado pela Giordano Turismo, empresa que opera o passeio de Maria Fumaça na Serra Gaúcha. Uma programação especial para os amantes do turismo ferroviário e da cultura gaúcha.
Este ano, o programa aconteceu no último sábado, dia 9 de setembro.  Uma programação de 4 horas pelos caminhos encantadores da Serra Gaúcha Uva e Vinho, a partir de duas das principais atrações turísticas da região: Parque Temático Epopeia Italiana e Maria Fumaça, incluindo a boa gastronomia típica e seus vinhos.
O passeio começou com o espetáculo no Parque Temático Epopeia Italiana. Em seguida, o traslado levou os visitantes da cidade de Bento Gonçalves a Carlos Barbosa, onde iniciou-se o passeio de Maria Fumaça.
No trem ocorreram várias apresentações de música e dança, nas plataformas de embarque e desembarque e dentro dos vagões, durante todo o trajeto.
Na parada no município de Garibaldi, os visitantes apreciaram a outro show musical e tiveram a oportunidade de saborear o delicioso cardápio típico da comida italiana acompanhada de vinhos e suco de uva da região, considerada a mais italiana do Brasil.
O passeio de trem finalizou aproximadamente às 22h45hs, em Bento Gonçalves.
fotos: divulgação  

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Uma viagem ao passado: o voo retrô da TAP de Lisboa para o Rio!

A TAP realizou na última quarta-feira (06/08), o quarto voo retro a bordo do avião “Portugal”, aparelho que recupera a iconografia da companhia nos anos 70, numa viagem que teve Rio de Janeiro como destino.
O voo integra as comemorações dos 72 anos da empresa e leva aos passageiros a experiência de estar em uma aeronave da companhia exatamente como era na década de 70. Tudo é realmente personalizado para que seja igual à época, desde a decoração do avião, o uniforme dos comissários, brindes oferecidos a bordo até a pintura da aeronave.
Check-in da TAP
Logo no check-in, tudo já estava adaptado. Havia uma sinalização diferenciada e até mesmo o logo da TAP na parede ao fundo dos atendentes era como antigamente.
Cada passageiro recebeu um “diploma de viajante no tempo”, as etiquetas de bagagem e bolsas para os cartões de embarque que eram  também de design retro.
Embarcando
O jato Airbus A330, mostrava aos passageiros a pintura antiga com a marca “Transportes Aéreos Portugueses”. Ao entrar, as comissárias conferiam os bilhetes e orientavam a direção dos assentos. Elas vestiam uniformes iguais aos utilizados na época, criada pelo estilista francês Louis Féraud.
Amenities
Como brinde, os passageiros receberam a icónica bolsa da TAP dos anos 70 que, em classe executiva, se encontrava preenchida com um confortável pijama, água-de-colónia Lavanda, creme de mãos Benamôr e uma Pasta Dentífrica Couto.
Serviço de bordo
O serviço de bordo também era igual ao oferecido na década de 70 e começou cerca de uma hora após a decolagem. As refeições “recriaram fielmente o que se servia a bordo nos anos 70”, com “salada de camarão e terrina de faisão” para entrada na classe executiva e “Bife do Lombo à Portuguesa ou Bacalhau à Zé do Pipo” como prato principal em todo o avião. Para sobremesa, chocolates Regina
Entretenimento de bordo
Entre as opções disponíveis no painel, havia um catálogo exclusivo com filmes da década de 70. Clássicos como Star Wars, Rocky, The Godfather  e muitos outros,  mas tinha os lançamento atuais também. Para entretenimento, o jogo “Sabichão”, da Majora, com uma página de perguntas e respostas exclusivamente dedicada à TAP.
Este foi o quarto voo retrô da TAP Portugal, sendo que o primeiro foi entre Lisboa e Toronto no mês de julho, o segundo foi de Porto a São Paulo e o terceiro entre Lisboa e Miami.  O próximo voo retrô da companhia será com destino a Luanda, capital de Angola.
A TAP liga Lisboa e o Rio desde o início da década de 1960, quando foi inaugurado pela Companhia o "Voo Amizade", que ligava as duas cidades. Atualmente, a TAP opera 13 voos semanais para o Rio a partir de Lisboa e dois a partir do Porto.
A empresa portuguesa pretende continuar a surpreender os passageiros que viajam no avião “Portugal” e realizará mais voos evocativos dos anos 70 para diferentes destinos da companhia.
Fotos: divulgação 

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Serra Gaúcha: 8º Sabores de Canela e 1º Petit Sabores

Um mês inteiro de celebração à gastronomia e à cidade”
A 8ª edição do Festival Sabores de Canela começou na sexta-feira passada, dia 1º de setembro. O evento conta com a participação de hotéis e restaurantes que juntos num único objetivo, buscam agradar e encantar o paladar dos participantes com pratos que levam canela em suas receitas. Tempero marcante que não passa despercebido ao paladar.
Nesta edição além do já consagrado Roteiro gastronômico pelos Restaurantes, Hoteis e Pousadas da cidade, o Sabores de Canela vai encantar os apreciadores da boa culinária na Praça João Corrêa, incorporando uma grande novidade ao evento, o 1º Petit Sabores de Canela neste final de semana  e no final de semana de 23 e 24 de setembro.
Para o secretário de Turismo Ângelo Saches “o Sabores de Canela é essencial para reforçar o nome da cidade e incentivar a criatividade na gastronomia gerando também oportunidades de novos negócios aliadas a uma excelente programação cultural. 
O Sabores de Canela deste ano, que segue até o dia 30 de setembro, está cheio de novidades. Além das capacitações em forma de oficinas, cursos e palestras  para um público interessado em gastronomia, tem ainda uma  excelente programação cultural com shows e exposições.
Como nos anos anteriores as receitas formam o livro Sabores de Canela.  O Sabores de Canela é uma realização da ACIC – Associação Comercial e Industrial de Canela, através do Fundo de Turismo com o apoio da Prefeitura de Canela, Senac/Fecomércio RS e Abrasel Hortênsias. Patrocinam o evento, UCS- Região das Hortênsias, Gráfica Prumo, Brocker Turismo, Hotéis Laghetto, Bondinhos Aéreos e Chocolates Florybal.

Programação neste final de semana 9 e 10 setembro

Na Praça João Corrêa, nos dias 9 e 10 de setembro, os restaurantes, hotéis e pousadas participantes do roteiro terão a oportunidade de comercializar os pratos preparados para o Sabores de Canela.  Cada participante adaptará o prato que será servido nos seus estabelecimentos a uma pequena porção nestes dias. 
O valor de comercialização do prato na Praça será de R$ 22,00 (vinte e dois reais) para o prato salgado e R$ 13,00 (treze reais) para o prato doce.
Nos demais dias, continua o roteiro gastronômico dentro dos restaurantes.
Para dar um gosto ainda mais especial ao evento, a Praça respirará música e atrações culturais com destaque para a banda Rock de Galpão, que se apresenta no Multipalco, às 20 horas de sábado, 09.
Além de todas as atrações culturais e da comercialização dos pratos versão “Petit”, tem ainda as oficinas “Pitada de Canela”.  Elas serão ministradas pelo chef Endrigo Sedrez, do SENAC, que irá ensinar a preparar Tartellete de Canela, às 14 horas e Míni-Hambúrguer, às 16 horas de sábado, 09. E no domingo dia 10, às 14 horas Pancs salada com plantas não convencionais, às 16 horas Alfajor e às 18h30min, Panini Carne de Panela com Canela. 
fotos: divulgação 

Ministério do Turismo inicia pesquisa para identificar perfil do turista nacional

"Contatos telefônicos para cadastrar interessados em participar do levantamento começam esta semana" 

Entender o perfil do viajante brasileiro e obter, assim, informações que auxiliem a formulação de políticas públicas de estímulo ao setor de viagens no país. Esse é o objetivo de uma pesquisa que o Ministério do Turismo irá fazer com moradores de 137 municípios brasileiros  (confira a lista completa).  O processo será dividido em duas etapas: cadastro de pessoas interessadas em participar e, posteriormente, aplicação do questionário com as perguntas definidas pela Pasta. A primeira fase terá início esta semana e tem como meta cadastrar 30 mil domicílios.
Caberá à Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE), realizar as ligações para as residências de municípios selecionados - 27 capitais e outras 110 cidades - para coletar informações sobre as viagens realizadas nos últimos 12 meses e identificar os interessados em participar da pesquisa de Demanda Doméstica a ser iniciada no primeiro trimestre de 2018. A seleção dos municípios foi feita a partir de uma amostra aleatória que buscou ampliar a representatividade da pesquisa.
A metodologia da pesquisa a ser implementada em 2018, com coleta de dados por Painel, é pioneira no Brasil para o monitoramento da atividade turística. Com ela será possível obter resultados da movimentação dos fluxos de turistas e dos seus gastos entre as diferentes regiões do País. O último levantamento de turismo doméstico foi realizado em 2011.
Em abril, o governo federal lançou o Brasil + Turismo, pacote de ações para impulsionar o turismo no país. Uma das metas é chegar, em 2022, a 100 milhões de viajantes domésticos, ante os 60 milhões registrados atualmente.
Fotos: Divulgação

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Gramado terá pizzaria projetada por estúdio de Orlando

Gramado vai inovar mais um vez: Kongo, uma pizzaria temática com área de 800 metros quadrados e capacidade para 250 pessoas. A inauguração está prevista para novembro.
O nome Kongo foi inspirado na segunda maior floresta tropical do mundo, no Congo, onde estão os gorilas gigantes, espécies em extinção.
Seus proprietários contam como a ideia surgiu: foi em uma viagem de estudos de Eduardo Kny aos Estados Unidos, combinado com o desejo de Maico Rossa de voltar a atuar na área de gastronomia. “Sempre tive o sonho de ter um restaurante temático lúdico”, afirma Kny, ao revelar um pouco mais do empreendimento: “A atmosfera é de uma grande selva. Além de ser divertido, ele procura chamar a atenção para o meio ambiente”. “Queremos implantar um restaurante temático de excelência gastronômica”, complementou Maico.
A inspiração em restaurantes norte-americanos é visível no projeto arquitetônico. Para reformar um prédio já existente, localizado na avenida das Hortênsias, próximo à divisa com Canela os empreendedores recorreram à Themed Studios, de Orlando, que projetaram uma fachada em cimento esculpido. A vegetação em torno da fachada é totalmente natural. 
Com um cardápio de 80 tipos de pizzas, a Kongo é um empreendimento voltado para as famílias. O empreendimento irá gerar 50 novos empregos e exigiu investimentos de R$ 3,5 milhões.
Infelizmente, um acidente de moto no dia 25 de agosto, tirou a vida de Maico Rossa, um dos mais promissores empresários da região. A inauguração da Kongo será, desta forma, uma forma de homenagem em respeito à sua vontade e empreendedorismo – In memoriam.
Foto: Fernanda Rios/ Divulgação

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

FTN está com inscrições abertas para 10ª edição, em Florianópolis (SC)

As inscrições para a 10ª edição do Fórum de Turismo de Negócios (FTN)  já  podem ser feitas no site www.ftnonline.com   O evento será realizado nos dias 06 e 07 de outubro no Hotel Majestic Plaza, em Florianópolis (SC). Podem se inscrever agentes de viagens, jornalistas, profissionais e autoridades do turismo nacional e internacional
A cada edição, o FTN vem desempenhando o objetivo de contribuir com vendas dos produtos apresentados, promover parcerias, capacitações e troca de informações entre agentes de viagens, empresários e demais profissionais do trade turístico. 
Participação do Turismo brasileiro
Nesta edição em parceria com o Ministério do Turismo, os estados brasileiros vão apresentar suas potencialidades turísticas, roteiros, produtos e serviços.
Presente Pernambuco, do Litoral ao Sertão, destino de riquezas naturais, com um extenso e apreciado litoral de águas mornas e cristalinas. O estado conta com a magnitude e importância histórica de suas tradições culturais, como os festejos carnavalescos e juninos.
O Paraná,  afirma-se como um dos mais completos destinos turísticos do Brasil.  Entre os cartões postais do estado, destaques para as Cataratas do Iguaçu e para as diversas obras arquitetônicas, praças e parques de Curitiba. Em todas as regiões do estado a estrutura hoteleira e de serviços é excelente. E a capital do Estado é moderna, sofisticada, cosmopolita, com um diversificado circuito histórico, cultural e gastronômico.
Minas Gerais conta com 45 Circuitos Turísticos certificados, envolvendo todas as regiões e aproximadamente 450 municípios regionalizados.  Os Circuitos abrigam um conjunto de municípios de uma mesma região, com afinidades culturais, sociais e econômicas que se unem para organizar e desenvolver a atividade turística.

Palestras
As palestras têm como temas: Destinos nacionais e internacionais, agenciamento de Viagens; Vendas & Marketing, Gastronomia em hotelaria; Turismo de Negócios; Eventos.
Um dos destaques na palestra de qualificação profissional desta edição será do professor em turismo do Peru, Pablo Galvez, que vai falar sobre a importância da parceria entre agências de viagens latinas, trocas de experiências e conhecimento em produtos nacionais e internacionais. Para ele, com a globalização, existe necessidade de saber trocar serviços, saber vender e aprender com as experiências. O Peru será reapresentado ainda pelas operadoras Calypso Perú,  Caral Tours e a Prisko Tours Agencia de Viajes e Turismo.
 

Edições anteriores do FTN
O evento com edições itinerantes e fixas,  já passou pelas cidades de Ribeirão Preto (SP), Brasília (DF) e Lisboa (Portugal), 

Os interessados em parceria para participar do X FTN como expositor, patrocinador e palestrante poderá entrar em contato pelo fone 00 55 48 40422318 ou 99172097 (whatsapp).
fotos: divulgação

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Catarina a assistente virtual que vai ajudar o turista

"Ferramenta vai facilitar a vida dos turistas que visitam Santa Catarina"
Os turistas que estão planejando sua viagem por Santa Catarina podem contar agora com uma nova ferramenta de tecnologia: a “Catarina”, uma assistente virtual que, através do diálogo, ajuda os turistas a montarem seus roteiros de viagem pelo Estado, explorando mais de 1.800 pontos de interesse e atividades em 130 cidades.
A ferramenta pode ser acessada através de computadores e smartphones e - através do diálogo - considerando suas preferências, apresenta opções de acordo com o perfil traçado, oferecendo programas nas áreas de aventura, ecoturismo, praias, compras, negócios ou atividades culturais.
O conteúdo da ferramenta conta com recursos de geolocalização e inteligência artificial para melhoria constante na escolha e exibição dos conteúdos, baseando-se no comportamento dos públicos que a utilizam. Além de ser um apoio aos turistas, Catarina conta com recursos de data intelligence que irão apoiar o Governo do Estado de Santa Catarina na coleta de dados para análises de perfil e preferências dos viajantes.
O projeto integra a campanha “Descobrindo Santa Catarina”, que conta com diversas ações de comunicação no Brasil e Mercosul. A ferramenta foi criada pela agência Neovox em parceria com a Globalbot, empresa especializada em chatbots. Segundo Felipe Volpato, da Globalbot, a Catarina será uma personagem indispensável para apoio ao turista “além de todo o conteúdo que ela dispõe, utiliza uma interface baseada em diálogos para entregar uma nova experiência na forma de explorar o local da viagem". “O chatbot permite uma experiência relevante do turista com Santa Catarina e, através dos dados recebidos, entrega inteligência para ações futuras", afirma Vinícius Koch, gerente de Planejamento da Neovox. 
 
Para o presidente da SANTUR, Valdir Walendowsky, esses dados serão essenciais para a continuidade das ações de promoção do turismo: "O engajamento do turista na internet e nas redes sociais está transformando a forma de viajar. Precisamos estar atentos a esse comportamento e mostrar toda a diversidade de destinos de SC de maneira atrativa".
Quer conhecer a Catarina? acesse: www.catarinasc.com.br

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

10 coisas que você jamais deve usar no avião

Confira os itens de vestuário  - ou não - que você deve evitar durante voos longos para tornar sua viagem de avião mais confortável e menos sofrida
Acho que todos nós concordamos que viajar de avião não é das experiências mais confortáveis que podemos ter. Horas e horas trancados numa cabine, ar reciclado, bancos apertados (para nós, mortais, que viajamos de econômica), comida de gosto duvidoso…
Isso sem falar dos perrengues que muitas vezes temos que enfrentar dentro do avião e de alguns tipos sem noção que encontramos pela frente. 
Justamente por isso estar confortável neste “ambiente hostil” é fundamental para deixar sua viagem um pouco menos desgastante.
O primeiro passo é esquecer aquelas fotos que blogueiras fashion e/ou youtubers postam no aeroporto com as hashtags #airportoutfit #airportstyle e a clássica #ootd (outfit of the day, ou ‘look do dia’, para os leigos neste mundo fashion).
Basta olhar a foto que postei acima pra entender o motivo… roupas justas, sapatos incômodos, muito estilo e pouca praticidade.
Nem Gisele que é Gisele viaja deste jeito… Dá uma olhada no visual dela desembarcando em São Paulo, na foto abaixo. Tênis, calça confortável, camiseta e jaqueta jeans. Simples, chique e confortável!
Eu, até hoje, estou em busca DA roupa de viagem perfeita. Aquela que seja confortável, quente (mas não muito) e que não te deixe com cara de quem acabou de sair da cama e esqueceu de tirar o pijama. 
Mas, apesar de ainda não ter chegado lá, com anos e anos de viagens e horas e mais horas de arrependimento de ter colocado “aquele” sapato ou ter escolhido “aquela” calça para viajar, cheguei a algumas conclusões de coisas que realmente não funcionam no avião.
Aí vão elas:
1. sapatos incômodos/sandálias
A não ser que você vá pegar a ponte aérea e tenha uma reunião logo ao chegar, esqueça os sapatos sociais e de salto. Além de incômodos durante a viagem, eles vão atrapalhar sua vida para caminhar no aeroporto. Fora que nossos pés tendem a inchar durante voos mais longos, o que só vai deixá-los ainda mais desconfortáveis ao chegar no seu destino. O mesmo serve para sandálias e chinelos. Deixe-os para usar na praia! Aviões podem ser extremamente frios e ninguém precisa sofrer com os pés gelados. Opte por um tênis fácil de calçar e que não seja muito apertado.
2. roupas apertadas
Como eu já falei, viajar de avião já não é uma experiência confortável por si só. Agora imagina passar quase 12 horas até chegar a Paris com uma calça apertada que mal te deixa respirar. Ou com aquele jeans justo, que deixa a marca do botão na sua barriga? Socorro, né? Hoje em dia há várias opções de calças stretch ou de malha com um visual mais chiquezinho que vão deixar qualquer um elegante e confortável ao mesmo tempo. Lembre-se que foi-se o tempo que viajar de avião era motivo de tirar a melhor roupa do armário.
3. perfume forte
Ok, perfume não é roupa e é melhor estar cheiroso do que fedido, obviamente. Mas ninguém precisa passar horas e horas sentido aquele cheiro de perfume super forte dentro do avião. Eu, por exemplo, sou super sensível a cheiros e além de uma mega dor de cabeça eu começo a espirrar coo uma louca com perfumes muito fortes. Para o bem estar de todos e felicidade geral da nação, evite aquela parada no Duty Free para provar TODOS os perfumes em exposição. Use o básico e um bom desodorante, pelo amor de Deus.
4. tecidos que não respiram
A temperatura na cabine pode ser extremamente instável e num minuto você pode estar com calor e no seguinte, com frio. Por isso evite roupas com tecidos que não deixam sua pele respirar, como nylon, plástico e afins. Dê preferência a tecidos de algodão e que permitam a circulação do ar. Evite também tecidos que possam dar coceira, como lãs. Quanto mais confortável, melhor.
5. pijama
Veja bem, eu disse confortável, mas também ninguém precisa ir de pijama para o aeroporto. Sim, se você assiste “Keeping Up With the Kardashians” (ok, confesso), já viu as irmãs pra cima e pra baixo de pijama no avião. Mas vamos combinar que elas estão sempre em jatinhos particulares e precisam fazer tipo. O que não é o caso de nós, mortais. Hoje em dia há cada vez mais opções de roupas com tecidos confortáveis e estilosas ao mesmo tempo. Ninguém precisa viajar como se estivesse indo a um casamento, mas também ninguém quer saber o pijama que você usa em casa…
6. lente de contato
Este também não faz parte de itens de vestuário, mas quem usa lente de contato não deve usá-las no avião. Como o ar da cabine fica muito seco (nossa pele que o diga), as lentes acabam ressecando e ficando super incômodas. Não há colírio que dê jeito… A melhor opção, neste caso, é tirar os óculos da gaveta e usá-los no avião.
7. roupas de verão
Por mais que a ansiedade para chegar àquela praia incrível seja grande, contenha-se no avião e evite roupas de verão, muito curtas, decotadas e com tecidos fininhos. Como eu já falei, a temperatura na cabine pode ser bastante instável e você irá sofrer desnecessariamente. A melhor opção é deixar a bermuda e a regata na mala e optar por uma calça e uma camiseta. Vestir-se em camadas é a melhor pedida para longas viagens de avião, assim você pode ir se adequando à temperatura dentro do avião.
8. sua roupa favorita
Evite viajar com aquele suéter que você ganhou e que ama de paixão ou com aquela jaqueta de couro que você pagou uma fortuna e vai durar uma vida no seu guarda-roupas. Uma viagem de avião é cheia de “armadilhas” para suas roupas e você pode acabar frustrado se algo acontecer. Quem nunca derramou café ou vinho na roupa durante uma turbulência mais forte? Melhor prevenir do que remediar…
9. maquiagem
Você pode até embarcar linda e maravilhosa, mas ninguém quer chegar na fila da imigração de outro país com cara de panda, né? Portanto, nada de maquiagem no avião. Evite bases muito pesadas e opte por um BB cream no rosto, apenas para ficar com uma cara mais apresentável. Se for essencial colocar maquiagem nos olho, opte pelas que são à prova d’água, assim você evita que ela borre durante a noite. E batom só na hora de pousar para dar aquele “up” no visual. Se puder, leve um frasco de água termal em spray para hidratar o rosto durante o voo e não esqueça do hidratante facial e bucal.
10. looks complicados
Tá, aquele macacão que você tem é super bonitinho e confortável, mas pode não ser a coisa mais prática quando você tiver que usar um dos minúsculos banheiros do avião… O mesmo vale para aquela calça cheia de botões, aquele cinto com a fivela super complicada. Deixe as roupas mais complicadas dentro da mala e use roupas mias práticas e simples no avião.

O texto é da jornalista Tatiana Cunha, da revista Veja.  Achei muito bom  e por isso estou compartilhando. http://veja.abril.com.br/blog/modo-aviao/10-coisas-que-voce-jamais-deve-usar-no-aviao/?utm_source=newsletter&utm_medium=email&utm_campaign=veja-site
 fotos: divulgação

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

45ª edição do Festival de Cinema de Gramado começa nesta quinta-feira

"De 17 à 26 de agosto o evento será palco para as mulheres mostrarem o seu talento na sétima arte"
O Festival de Cinema de Gramado 2017 vai mostrar que o talento feminino está presente em todos os segmentos da sétima arte. Dentro e fora da tela, diante e atrás das câmeras, debatendo, ensinando, financiando: a programação está repleta de nomes femininos e recortes que enfocam o trabalho e a presença delas no cinema.
Nas mostras competitivas do Festival de Gramado, 12 filmes são dirigidos por mulheres. O destaque de 2017 é para a seleção de longas-metragens brasileiros, em que elas ocupam o posto de direção em quatro das sete obras que concorrem aos Kikitos. Pela Janela” (Caroline Leone) e “Vergel” (Kris Niklison), curiosamente, ambas coproduções entre Brasil e Argentina. Já em “A Fera na Selva”, Eliani Giardini divide a cadeira com Paulo Betti e Lauro Escorel.
E em “Como Nossos Pais”, a diretora Laís Bodanzky, que também assina o roteiro, em parceria com Luiz Bolognesi, leva ainda a temática para o enredo, enfocando a vida de Rosa, uma mulher que quer ser perfeita em todas suas obrigações e precisa responder às distintas visões geracionais sobre o lugar da mulher: das filhas adolescentes e dos próprios pais.

A mostra de curtas-metragens brasileiros também vai provocar reflexão sobre o universo das mulheres, em três produções que, embora dirigidas por homens (um deles, transexual), abordam pontos de vista femininos. “Tailor” (Calí dos Anjos) é um documentário animado sobre um cartunista transgênero, integralmente feito por pessoas trans. “A Gis” (Thiago Carvalhaes) também documenta a vida de uma transexual – Gisberta Salce – que, neste caso, termina em tragédia em Portugal, onde ela foi assassinada em 2006. Já “Cabelo Bom” (Swahili Vidal) enquadra a questão de gênero e raça ao tratar sobre as pressões estéticas a que estão submetidas as mulheres negras.
Competem ainda na mostra de curtas brasileiros “O Espírito do Bosque”, dirigido por Carla Saavedra Brychcy, “Postergados”, de Carolina Markowicz e “Mãe dos Monstros”, de Julia Zanin de Paula – este último também disputa os prêmios de curtas-metragem gaúchos, assim como “Gestos”, codirigido por Júlia Cazarré e Alberto Goldim e “Kátharsis”, que traz a assinatura de Mirela Kruel. Vale ainda mencionar a presença do filme “Substantivo Feminino” na seleção de filmes gaúchos fora de competição. O média-metragem dirigido por Daniela Sallet e Juan Zapata conta a valente história de duas ambientalistas pioneiras no Rio Grande do Sul: Magda Renner e Giselda Castro.

Entre os longas estrangeiros, a chilena Maite Alberdi assina “Los Niños” e a dupla argentina Virna Molina e Ernesto Ardito dirigem “Sinfonía para Ana”. A atriz argentina Soledad Villamil, famosa por sua interpretação em “O Segredo de Seus Olhos”, que levou o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro em 2011, receberá o Kikito de Cristal. A brasileira Dira Paes, que ao longo da carreira de 33 anos incorporou e deu vida a mulheres de distintas regiões e classes sociais do país, será destacada com o Troféu Oscarito.

12 homenagens especiais serão entregues no 45º Festival de Cinema de Gramado
Além das quatro tradicionais homenagens – Oscarito, Eduardo Abelin, Kikito de Cristal e Cidade de Gramado – o Festival de Cinema entrega, este ano, em homenagem aos seus 45 anos, 12 distinções especiais a importantes personalidades, todas com relação próxima e de contribuição com o evento e com a cinematografia brasileira. As homenagens serão entregues nas sessões noturnas do Palácio dos Festivais.
Os agraciados: 
- Esdras Rubim, produtor e ex-diretor do Festival
- Horst Volk, idealizador do Festival
- Odilon Cardoso (in memoriam), ex-diretor do Cine Embaixador
- Romeu Dutra, idealizador do Festival
- Araci Esteves, atriz
- Luiz Carlos Merten, jornalista e crítico
- Mônica Schmiedt, cineasta (in memoriam)
- Wilton Soares Martins, técnico (luz)
- Alice Gonzaga, pesquisadora, produtora, diretora e empresária
- Lucy e Luiz Carlos Barreto, produtores
- Oswaldo Massaini, produtor e distribuidor (in memoriam)
- Paulo Autran, ator (in memoriam)

Hotéis de Gramado participam da campanha "Receba Uma Estrela"
Representantes dos hoteis participantes Foto Edison Vara
Uma iniciativa da Gramadotur, a campanha "Receba Uma Estrela" reúne hotéis que aderiram à proposta de receber como cortesia estrelas e convidados participantes do 45º Festival de Cinema de Gramado. São, ao todo, 12 hotéis que levam o selo oficial "Aqui Recebemos Estrelas": Alpestre, Encantos Charme, Kurotel, Pousada Florença, Serrano Wish, St. Hubertus, Varanda das Bromélias, Villa Bella, La Hacienda, Cercano, Refúgio da Montanha e Clinipel. A rede de hoteis que recebem os convidados do Festival de Cinema também é formada por hotéis credenciados com valores diferenciados.

Feijoada das Estrelas no Wish Serrano Resort & Convention

Realizada oficialmente pelo Festival de Cinema de Gramado em parceria com o Wish Serrano Resort & Convention, a Feijoada das Estrelas receberá mais de 300 convidados para um momento de confraternização no dia 25 de agosto, às 13h. Além do tradicional cardápio da feijoada elaborada pelos premiados chefs Marcelo Hartmann e Facione Biasi, o encontro oferecerá aos convidados ilhas de caipirinhas, espaço de beleza by Duda Catanio para retoque de visual e o show da Banda Roda Viva, de Porto Alegre.
A exclusiva Feijoada é mais um momento de aproximação do Festival de Cinema de Gramado com seus convidados oficiais, desde artistas e cineastas envolvidos com os filmes em exibição no Palácio dos Festivais a profissionais da imprensa do Brasil e da América Latina. 
 Festival além do Palácio
 O Palácio dos Festivais é o ponto clássico de encontro, mas toda a programação do Festival de Cinema de Gramado também se espalha pela cidade com os pontos de trabalho da produção e da imprensa, exibições especiais, mostras e demais atividades. Confira os locais que receberão a programação do evento.  
-  Palácio dos Festivais
-  Teatro Elisabeth Rosenfeldt
-  Hotel Serra Azul
-  Museu do Festival de Cinema de Gramado
-  EMEF Nossa Senhora de Fátima – Vila do Sol (Várzea Grande)
-  EMEF Dr. Carlos Nelz – CAIC – Bairro Moura
-  EMEF Presidente Vargas – Av. Central
-  EMEF Maximiliano Hahn – Bairro Carniel
-  EMEF Senador Salgado Filho – Bairro Piratini
-  CRERH – Centro de Reabilitação Emanuel Região das Hortênsias
-  Vale a Pena Viver

Canadá é o País Homenageado
A trajetória da cooperação entre o Brasil e o Canadá na área de audivisual , remonta aos anos 80, quando um acordo entre a extinta Embrafilme e o National Film Board of Canada/L’Office national du film du Canada (NFB/ONF) deu origem ao Centro Técnico Audiovisual (CTAV) do Rio de Janeiro. Este foi o primeiro estúdio de pós-produção no Brasil, e foi inteiramente financiado pelos governos de ambos os países.
Além de cursos, o acordo possibilitou o intercâmbio de técnicos e cineastas brasileiros para o Canadá.
A escolha do Festival de Cinema de Gramado em homenagear o Canadá nesta 45ª edição se dá no ano em que o país comemora seu 150º aniversário.
A delegação canadense presente no 45º Festival de Cinema de Gramado conta com cineastas, roteiristas e representantes de três das mais importantes escolas de cinema do mundo: Vancouver Film School, VanArts – Vancouver Institute of Media Arts e Toronto Film School.
Os profissionais terão espaço destacado no Gramado Film Market – Conexões, onde oferecerão oficinas de roteiro e animação e painéis sobre a indústria de cinema local e os mecanismos de financiamento no Canadá – estes aliás, possuem particularidades de grande valia, como o fato de que o financiamento está sempre atrelado a um acordo de venda, o que garante a distribuição da produção audiovisual.
Além disso, haverá sessões diárias de cinema no Museu do Festival com filmes produzidos no país, especialmente de jovens mulheres que estão em ascensão. É o caso de duas cineastas que virão pessoalmente a Gramado: Carol Nguyen e Amber Fares, ambas multipremiadas, apesar da pouca idade.
A escolha por trazer mulheres para representar a pujante produção do país é uma estratégia do Canadá de valorizar o talento feminino em diversas áreas. Neste sentido, no início de 2017, houve um esforço de cooperação entre a Agência Nacional do Cinema do Brasil, a Telefilm Canada e a Women in Film and Television Toronto para compartilhar estratégias que promovam a presença de mulheres no cinema e na televisão.
fotos: divulgação